sábado, 3 de maio de 2008

Osteocondroma


Adolescente de 15 anos referindo massa palpável cranialmente ao joelho. A radiografia mostra uma proeminência óssea pedunculada na região medial da metáfise distal do fêmur, sem interrupção cortical e com projeção da estrutura medular, compatível com osteocondroma.
O osteocondroma é o tumor ósseo benigno mais comum, ocorrendo tipicamente em adolescentes antes do fechamento epifisário, e sua localização mais freqüente é próxima ao joelho (fêmur e tíbia).
As possíveis complicações são deformidades ósseas, fraturas, compressão neuro-vascular e transformação maligna. A malignização (condrossarcoma) é rara, e deve ser suspeita se a lesão crescer após a maturação óssea, se doer sem sinal de fratura, ou se possuir camada cartilaginosa externa maior que 1-2cm.
Existe uma síndrome chamada exostose osteocartiloginosa múltipla, autossômica dominante, com numerosos osteocondromas.

38 comentários:

Anônimo disse...

Muito bacana seu blog, parabéns.

carlos disse...

eu tenho isso

Luciana Araújo disse...

Fiz uma cirurgia para a retirada de um ostecondroma do femur. No mês de março de 2010. Levaram o pedaço de osso que aos meus olhos, era grande, para biopcia. Temo no resultado da mesma. Pois já estava me encomodando e inflamando o joelho.

Anônimo disse...

antallyaeu operei já 2 vezes e volto d novo estou com medo pois não sou mais uma menininha já sou mãe e casada e o pior é que doe e todos achão que é mentira q nem quando precisei fazer a segunda cirurgia nas preças pois quase não estava andando meu minha perna simplesmente travo e eu não andava, cheguei no ps e fui direto para a cirurgia nunca mais quero passar por isso joyce sx sp

Anônimo disse...

Eu tenho Osteocondroma , tenho 16 anos , e tipo tenho muito medo de fazer cirurgia . Tenho medo de depois naum voltar a andar , tenho medo de perde varios movimentos .. Eu tenho no joelho , nos dedos da mão , tenho pelo corpo inteiro , e cada dia q passa sinto q vai piorando .

Anônimo disse...

Oi pessoal. Tenho osteocondroma multiplos, já fiz duas cirigias a 1º eu tinha 15 anos e a 2º tinha 17anos. Mais ainda tenho algumas cirugias a mais para fazer pois sinto muita dor.
Pelo o sofrimento que eu passei e passo e acredito que muitas pessoas passam e outras viram a passar, resolvi entra na area da saúde, hj faço Biomedicina já estou cm muitos planos para me TCC que vou faze sobre o OSTEOCONDROMA,quero ser especialista em tumores ossés, mas falando cm meu prof. ele falou que séria um pouco complicado fazer uma total pesquisa em campo pelo fato do osteocondroma não ser tão comum e por conseguencia não ter muitos paciêntes cm essa neoplasia. Então atraves deste blog gostaria troca infomações sobre este assunto.
Lembrando que atravez do nosso diálogo podemos conhecer mais essa "doença", para que lá na frente nossos famíliares que passe pelo que muitos portadores do osteocondroma passam.

Para trocar-mos nossos conhecimento pode entra em contato me mando e-mail. Meu e-mail é : akoti_lins@hotmail.com.

thais helena disse...

oi Jonas.....parabens pelo blog..
muito bom mesmo...sou tecnica radiologista e tenho osteocondroma,mas tenho medo de fazer cirurgia..mas agora ta crescendo e acho q vou ter q fazer a cirurgia sim, mas tenho medo de crescer novamente...se tiver msn me passa pra eu tirar umas duvidas..desde ja agredecida

Policarpo Futebol Quaresma disse...

Pois é...

Esse "dito cujo" acabou com meus sonhos em ser jogador de futebol

Erika Xavier disse...

Oi gente meu nome é Erika tenho 16 , e 5 anos eu tenho ' osteocondroma .! No começo eu achei estranho pois nunca vi uma coisa assim mais fui fazendo tratamento medico com o ortopedista depois de 1 ano parei de fazer ... Uns dias pra cá sentir dores fortes e fui ao medico (...) Ele falou para eu fazer uma cirugia o mais rapido possivel , fazer uma ' raspagem diz ele . Mais fé em Deus vai dar tudo certo , orem por mim pessoas
Beijos

Anônimo disse...

Olá...eu tinha osteocondroma no joelho, mas por questões estéticas (já que não sentia dor), aos 15 anos fiz cirurgia para retirada...a recuperação foi boa (sem dor), mas fiquei com uma cicatriz de 21 pontos...

karla disse...

oi me chamo Karla e me operei de osteocondroma do femur tem 6 anos porem ainda sinto dores no joelho e tenho medo q o problema volte.

Lírio disse...

Oi, meus amigos me chamam de de Zuh, tenho 20 anos e a dois meses fiz uma cirurgia de esteocondroma no joelho esquerdo. E não consigo mecher a perna, estou fasendo fisioterapia e gostaria de saber se vou poder andar normalmente e se a perna vai voutar o que era antes.
att.

Anônimo disse...

Olá pessoal eu descobri que tenho osteocondroma á duas semanas e estou com um pouco de medo sim , daqui á um mês faço a minha cirurgia para retirar espero que tudo ocorra bem!

Venda disse...

Bom dia PESSOAL…
Hoje estou com 23 anos, sou jogador de futebol, tive que OSTEOCONDROMA aos 14 15 anos de idade por ai, erra uma dor horrivel na minha perna esquerda na parte do fêmur, parecia que iria dar até fratura esposta devido alguns exercicios praticados…
Depois da cirurgia não fiz fisioterapia nada, comecei a andar cm muletas depois de uns dias já.
Minha recuperação foi pratica de fortalecimento muscular ACADEMIA e não parar de jogar correr etc…
Se você que tenha esse problema não se preocupe se tiver que fazer cirurgia faça você fazendo ou não sua vida vai passar de qualquer jeito isso não é maliquino gente isso tme estudosssss….
Fiquem com DEUS pessoal qualquer duvida estou a disposição…

Ju Crelier disse...

Olá,tenho 27 anos, e a osteocondroma na minha familia, vem da hereditáriedade. Minha mãe teve e fez duas cirurgias, eu tive e me operei aos 11 anos, hj em dia pra minha surpresa, tenho dois filhos, um de 4 anos e um de 6 anos, q tbm tem essa anomalia.O q me preocupou foi o fato do meu filho de 6 anos, após voltarmos de ferias do carnaval esta sentindo muitas dores, sendo o caso de ele nem conseguir andar,procurei a emergência médica, achando q poderia ser proveniente derrepente dele ter dado algum mal jeito sem eu perceber, e ele matou o caso na lata. O fato e q agora, eu to tentando vaga no hospital publico aki no centro do Rio, pra poder conseguir tratar e operar os dois.E essa questão dele estar a quase duas semanas sem conseguir andar direito, com o joelho inchado é o q estava me preocupando, decidi entrar na net, para ter alguma resposta q me confortasse, e nesse blog encontrei varios relatos q me ajudaram. Vamos continuar compartilhando experiências, para q todos possam saber de como tratar essa anomalia.Obrigada e PARABÉNS!

Anônimo disse...

Descobri um osteocondroma no fêmur (próximo ao joelho) quando tinha 10 anos. O médico da época aconselhou a acompanhar a doença até a vida adulta, para depois fazer a cirurgia. Hoje, com 22 anos, procurei novamente um ortopedista e realizei a cirurgia para retirada do tumor há 20 dias atrás.
Foi simples, fui pra casa no mesmo dia. Levei 12 pontos no local (a cicatriz tem 8 cm). Agora ando com o uso de muletas, ainda não consigo dobrar o joelho ou realizar muitos movimentos, por que dói. Mas espero que eu consiga andar normalmente daqui alguns dias. Ainda nem tirei os pontos, e só depois da retirada é que começarei a fisioterapia.

karol disse...

Muito bom esse blog! Ainda estou descobrindo se tenho osteocondroma.Os médicos não estão conseguindo diagnosticar se é benigno ou maligno, mas de qualquer forma acho que vou ter que retirar parte da fíbula. Gostaria de saber se é sempre difícil descobrir.E se existe algum médico bom aqui no Rio.
Beijos

Anônimo disse...

Olá!
Meu nome é Eder e aos 15 anos descobri que tinha osteocondroma na parte inferior do joelho. Na época não quis operar, até pq ainda estava em fase de crescimento, tinha medo de que voltasse a crescer e como não me atrapalhava em nada, acabei deixando pra depois.
Como emagreci muito, ele ficou muito alto, esteticamente horrível, então resolvi, hoje, com 24 anos operá-lo.
Fiz a cirurgia dia 15/08, foi aproximadamente 1 hora de cirurgia, tive alta no mesmo dia e fiquei de repouso total, levantando apenas pra ir ao banheiro.
Dia 20/08 voltei ao médico, ele tirou os curativos e me deparei com uma cicatriz de 13 pontos, ele voltou a enfaixar e disse que já poderia começar a pisar no chão, sem colocar todo meu peso e com o auxílio das moletas.
Já estou voltando lentamente a dobrar o joelho e me movimentando mais.
Sinto uma certa dormência em volta do corte, espero que seja normal, rs.
Espero que semana que vem já esteja bem melhor, não vejo a hora de voltar a trabalhar, voltar pra academia, correr na esteira etc, rs.
É isso! Confiem em Deus que tudo dá certo! =)

Anônimo disse...

Ola :)
Meu nome é Mariana, 16 anos, e tenho um osteocondroma na perna direita (localizado logo acima do joelho).
Uma vez, quando tinha dez anos, e nao sabia muito bem o que eu tinha, fui jogar handebol na aula de Ed. física, sendo que eu era a goleira. Resultado: a bola acertou bem emcima do osteocondroma, e a dor foi insuportavel, só de lembrar já é incomodo. Por esse motivo tenho vontade de fazer cirurgia, tenho medo de acontecer alguma outra situaçao em que eu bata minha perna novamente, e isso eu nao suportaria, de jeito nenhum. Meu ortopedista, que faz o acompanhamento desde essa idade (9 ou 10 anos), diz que o tumor é beligno e, como estou em fase de crescimento, somente podemos acompanhar o crescimento do tumor, e se algum dia, por motivo de estetica ou se atrapalhar mesmo, posso fazer a raspagem.
Acho que as duas coisas que me deixam mesmo com um pé pra trás em relaçao a tudo isso é: Primeiro, o resultado da cirurgia, que deixaria uma cicatriz gigante na minha perna, e segundo, tenho pânico de agulhas (injeções, no caso)! Aí, é mais do que obvio que para cirurgia vão ter q me furar um montes de vezes, o q chega quase perto da bolada q levei na perna rsrsrsrs D: Entao, enquanto meu medo nao passa, fico só na vontade mesmo.
Bom, por enquanto é isso :) Espero que tudo continue bem daqui para frente e que eu nao tenha mais q fazer exames de sangue na vida xD

Essa foi minha história.

Boa sorte para todos que estão se recuperando, ou para os que vão fazer cirurgia :)

Anônimo disse...

Ola Boa Noite, meu nome é sirlene tenho 42 anos e varios osteocondromas tive excelente acompanhamento medico, e fiz 10 cirurgias para retirada dos tumores, (por motivos esteticos e funcionais) meu medico explicou ser essencial a retirada para que ele ao crescer nao e atinja musculos importantes dos braços e pernas, a cirurgia é dolorida sim mas passa, sempre achei melhor retirar do que correr risco de ter complicações maiores..na velhice, vcs sabem quando somos jovens suportamos mais as dores, entao eh só aguardar finalizar o crescimento do esqueleto(fiz minha primeira cirugia com 13 anos) e avaliar as retiradas com o seu medico. E um bom conselho medico que recebi é praticar musculação para manter os musculos sempre fortes o que auxilia na recuperação da cirurgia...fiz minha ultima cirurgia com 32 anos espero ter ajudado...abraços..

Vanessa disse...

Meu nome é Vanessa, fiz a cirurgia de osteocondroma há 1 semana, e estou andando com a ajuda de muletas mas estou preocupada pois estou sentindo muitas dores no osso do joelho, e a cicatriz foi no femur esquerdo nao no joelho. na cicatriz eu nao sinto dores só no joelho. espero voltar a andar normalmente, se alguém puder me explicar se isso é normal eu agradeço.

contato: vanessa.alves.95@hotmail.com

silvana costa disse...

minha filha de 10 anos tem osteocondroma no joelho direito. fico preucupada porque a perna direita dela esta ficando curvada.

Anônimo disse...

Oi pessoal meu nome é Renato e tenho 28 anos. Fiz uma cirurgia de retirada de osteocondroma no úmero há 1 mês. Comecei a percebê-lo no fim da adolescência e sempre me incomodou tanto esteticamente como funcionalmente. Estou ansioso pelo fim da recuperação para ver o resultado nas atividades físicas em que era prejudicado. Infelizmente o procedimento cirurgico é uma etapa chata que temos que eliminar, mas com fé em Deus dá tudo certo no final.

Anônimo disse...

Tenho um osteocondroma no fêmur direito, acima do joelho, pratico musculação e quando realizo determinados movimentos que exigem a flexão da perna, sinto o "chifre" raspando no músculo e nos tendões. Tenho 18 anos e gostaria de saber se pode voltar a crescer e se dói no frio depois da cirurgia.

Anônimo disse...

Tenho um osteocondroma no fêmur direito, acima do joelho, pratico musculação e quando realizo determinados movimentos que exigem a flexão da perna, sinto o "chifre" raspando no músculo e nos tendões. Tenho 18 anos e gostaria de saber se pode voltar a crescer e se dói no frio depois da cirurgia.

Anônimo disse...

Tenho um osteocondroma no fêmur direito, acima do joelho, pratico musculação e quando realizo determinados movimentos que exigem a flexão da perna, sinto o "chifre" raspando no músculo e nos tendões. Tenho 18 anos e gostaria de saber se pode voltar a crescer e se dói no frio depois da cirurgia.

Anônimo disse...

Tenho um osteocondroma no fêmur direito, acima do joelho, pratico musculação e quando realizo determinados movimentos que exigem a flexão da perna, sinto o "chifre" raspando no músculo e nos tendões. Tenho 18 anos e gostaria de saber se pode voltar a crescer e se dói no frio depois da cirurgia.

Anônimo disse...

Tenho um osteocondroma no fêmur direito, acima do joelho, pratico musculação e quando realizo determinados movimentos que exigem a flexão da perna, sinto o "chifre" raspando no músculo e nos tendões. Tenho 18 anos e gostaria de saber se pode voltar a crescer e se dói no frio depois da cirurgia.

Pedro Janini disse...

Oi pessoal,tenho osteocondroma,tenho 16 anos e percebi isso aos 13,sempre tive mto medo de operar e ainda tenho,enfim,jogo bola,ando normalmente,'levanto peso',mas tenho medo de fazer a cirurgia,mas meus amigos dizem que nao vai ter problema mesmo pq faço tudo normalmente, academia,bicicleta ,etc...me enviem um e-mail ,gostaria de uma 'motivacao' para eu operar meu e-mail é : pedrokrt@hotmail.com

Anônimo disse...

Olá meu nome é Felipe tbm descobri que tenho osteocondroma no joelho esquerdo. Tenho 15 anos tenho medo de operar, pois adoro jogar bola....

Anônimo disse...

ola a todos. bom tenho 29anos, e descobri que tenho um osteocondroma na perna direita proximo ao joelho por acaso, quando fui tirar um raio-x do joelho.tinha uns 25 anos e ai procurei um ortopedista e o mesmo disse para acompanhar, pois na epoca nao sentia dor e nem encomodo. hoje com 29 anos resolvi fazer a cirurgia pois esta encomodando, fiz a cirurgia, foi tranquila e mandaram o tumor para biopsia,ainda nao peguei o exame, fiquei internado 1 dia no hospital e depois fui para casa, hoje ja estou andando normal, sem dor. Digo para quem tem o problema que façam a cirurgia, é muito simples e sem dor,pois aplicam anestesia. abraço. qualquer duvida mande e-mail.felipe20088@hotmail.com

Anônimo disse...

Meu nome é Nicole (14 anos), tenho osteocondroma no joelho esquerdo e meu medico indicou cirurgia pelo falo de sentir dores fortes.
Talvez eu sinta dores tão fortes pelo fato de ter emagrecido uns 5 quilos no inicio no ano e pra isso acontecer eu corria demais na esteira e jogava handebol.
Antes desse medico, fui a outro que indicou fisioterapia e depois estaria liberada p frequentar a academia e fortalecer minha perna. O problema é que a fisioterapia nem aliviou minhas dores, e com o passar dos dias eu sinto dores mais fortes e em lugares diferentes no joelho.
Pelo fato da fisioterapia não me ajudar em nada , procurei outro medico e ontem mesmo ele me indicou a cirurgia , como eu falei lá em cima.
Tenho medo das cicatrizes e das dores e minha maior motivação de fazer a cirurgia é poder voltar a jogar handebol. Tenho um campeonato importante na minha escola no ano que vem e espero ficar boa logo para ajudar meu time.
Depois da cirurgia eu volto aqui e digo como estou.
Cada comentario aqui me ajudou , obrigada pela opinião de vocês pessoas ..

Anônimo disse...

Oi boa noite eu também tenho osteocondroma descobri com 3 anos de idade minha primeira cirurgia foi com 11 ou 12 anos hoje tenho 19 já fiz o total de 20 cirurgias nas pernas e braços só quero dizer uma coisa a vocês até agora não conheço alguém que já tenha feito mais cirurgias que eu no começo é difícil mais com o tempo a gente aprende superar essa doença é na verdade um tipo de câncer.

Anônimo disse...

Oi boa noite eu também tenho osteocondroma descobri com 3 anos de idade minha primeira cirurgia foi com 11 ou 12 anos hoje tenho 19 já fiz o total de 20 cirurgias nas pernas e braços só quero dizer uma coisa a vocês até agora não conheço alguém que já tenha feito mais cirurgias que eu no começo é difícil mais com o tempo a gente aprende superar essa doença é na verdade um tipo de câncer.

Carolina Pedroso disse...

Preciso fazer a cirurgia, queria saber se alguém tem uma indicação de médico que faça aqui no Rio Grande do Sul!

. disse...

Olá eu gostaria de saber se com essa doença posso doar sangue?
Obrigada, parabéns pelo blog, é muito triste saber que tem varias pessoas com esse problema, antes pensava que era só com minha família.
Boa noite.
mariana_1416@hotmail.com

Anônimo disse...

Olá pessoal me chamo Rafael e tenho 32 anos eu também tive osteocondroma e operei duas vezes no ano 2001, desde de pequeno eu sentia um incomodo no meu braço direito bem no local onde geralmente tomamos aquelas vacinas de criança, e no decorrer do meu crescimento notava que aquilo crescia junto, até eu tomar a decisão de procurar uma ajuda médica, bom na época eu tinha meus 19 anos morria de medo de ser uma coisa pior e não queria de forma alguma acreditar que aquilo era um tumor, por isso demorei a procurar uma ajuda, e digo pessoal não façam isso ! quanto antes procurarem uma ajuda melhor para o seu diagnóstico, depois do que passei perdir completamente o medo de ir ao medico, espero ter contribuído com alguma coisa e parabéns pelo blog.

Leonora Oliveira disse...

Ola pessoal preciso saber de quem ja fez a cirurgia se a nestezia e local